05
dez
Primeira viagem: conhecendo Ilha Grande
81 views • Comment

E aí galera, beleza?

Sou Ana Carolina e comigo está tudo ótimo, afinal semana passada foi meu aniversário e ganhei como presente a colaboração no blog da Mor, isso mesmo! Tô aqui pra falar com vocês sobre viagens/passeios e turismo que é a minha área de formação e, para primeiro post, escolhi minha primeira vez viajando “sozinha” (aquele tipo de viagem sem família).

Então, vem comigo?

Destino: Ilha Grande.

Localização: Angra dos Reis, litoral sul do Estado do Rio de Janeiro.

Categoria: Sol e Praia; Aventura.

Como chegar: barca, barco ou lancha através de Angra do Reis, Conceição de Jacareí e Mangaratiba, mas se você for milionário (rsrs) também pode ir de iate.

O que fazer: passeios de barco, mergulho, trekking (trilhas), rapel, escalada, surf, passeio histórico pelo farol, ruínas do presídio Cândido Mendes ou simplesmente ter um cenário perfeito para fotos incríveis.

O que levar: roupas para praia (e pelo menos uma roupa de frio), repelente, dinheiro, protetor solar. Mapa de Ilha Grande

Mapa de Ilha Grande. Foto: retirada da internet, autor desconhecido.

Paraíso é a melhor definição para Ilha Grande: área de preservação ambiental propícia para a prática de esportes de aventura, passeios de barco, refúgio nas praias paradisíacas e o melhor é que cabe em todos os bolsos, pois possui opções de passeios e hospedagens de diferentes preços.

Fui para a Ilha em fevereiro desse ano acompanhada de uma amiga e decidimos acampar (meio mais barato de hospedagem e com maior disponibilidade de vagas na alta temporada), pois só teríamos 2 dias e meio e usaríamos o local para dormir e tomar banho. Marinheiras de primeira viagem, escolhemos um camping que fornecia barraca, no total foram R$50 para cada uma (R$40 duas diárias no camping + R$10 do aluguel da barraca).

Sexta: embarcamos em um ônibus (Rio x Mangaratiba) no primeiro horário, as 5h da manhã (sofri calada, rs), afim de chegar antes das 8h para a barca (é bom chegar antes, pois a venda de bilhetes é limitada e, geralmente, já existe fila formada). A duração média da viagem é de 1h e 30 min, mas você pode pagar por taxi boat ou lanchas (mais caras: de R$20 a R$60 por pessoa), que saem a cada 1h. Veja aqui o horário das barcas.

Após chegar na Ilha e deixar as coisas no camping fomos em direção a Lopes Mendes, uma praia linda e conhecida por suas ondas, que são ótimas para a prática do surf, mas demos sorte no dia e o mar estava tranquilo. Você pode ir para lá por trilha (levamos cerca de 2h e ainda conhecemos outras praias no caminho) ou por barco, que vai até a Praia de Pouso (cerca de R$20 por pessoa ida/volta) e depois mais 30min por trilha. O barco não vai até Lopes Mendes por causa das condições marítimas.

 

Praia de Pouso
Praia do Pouso. Foto: Ana Carolina.

Vila do Abraão (maior comunidade da Ilha) possui bares, restaurantes e agências que oferecem passeios de barco com diversos roteiros e para todos os bolsos. Como não somos bobas, escolhemos o nosso: passeio de volta a Ilha, esse é o roteiro mais completo e mais caro também, porque como o nome já diz ele faz a volta na ilha, passando por praias mais distantes, por exemplo, o Aventureiro, uma comunidade caiçara (habitantes de áreas litorâneas), que não é tão acessível por mar durante todo o ano por causa das marés.

Sábado: levantamos bem cedo, tomamos um café reforçado e caminhamos em direção ao ponto de encontro na Praia do Abraão que, apesar de ter águas claras não é própria para banho por causa do despejo irregular de esgoto.

O passeio começou por Caxadaço, uma praia isolada, boa para mergulho por causa de suas pedras, que servem de abrigo para os peixes, de águas claras e tranquilas e conhecida por sua pedra furada.

Praia do Caxadaço. Foto: Ana Carolina.

Depois passamos por Parnaióca com suas águas agitadas (aprendi a nadar na marra) e que ao fim abriga um rio ótimo para relaxar; ao lado está a Praia do Aventureiro conhecida por seu coqueiro horizontal e águas agitadas próprias para o surf.

Meros, diferente de sua vizinha é pequena em extensão e possui águas calmas. E, por fim, Maguarequessaba onde é possível realizar refeições e ter vista para o continente.

Coqueiro horizontal, Aventureiro
Coqueiro Horizontal em Aventureiro. Foto: Ana Carolina.
Domingo: aproveitamos a manhã para conhecer locais mais próximos, já que a barca sairia às 17h30min e ainda arrumaríamos as bolsas. Seguimos em direção a Cachoeira da Feiticeira, muito utilizada para rapel e envolta por um verde exuberante. É importante comprar os bilhetes de volta com antecedência, pois muitas famílias vão apenas para passar o domingo na Ilha (dia de maior movimento) e as 15h já existia fila para embarque. Ao sair da ilha, percebi porque tantos turistas se encantam com o lugar e a importância da preservação não só natural como cultural de uma localidade. Espero retornar a esse paraíso e que dessa vez esteja ensolarado.
Cachoeira da Feiticeira
Cachoeira da Feiticeira. Foto: Ana Carolina.
Dicas:
  • SEMPRE pesquise sobre o lugar a ser visitado e verifique a avaliação da hospedagem em sites de reserva online (Booking.com, TripAdvisor);
  • Quando for a Ilha Grande leve dinheiro, pois NÃO existe caixa eletrônico, nem todos os estabelecimentos aceitam cartões e, frequentemente, há quedas de energia e as máquinas de cartões ficam fora do ar;
  • Escolha um camping que tenha abrigo/proteção para chuva, caso não tenha, leve uma lona (eu não sabia desse detalhe e tive de depender do administrador do camping para me emprestar uma);
  • Ao fazer uma trilha leve em uma mochila: água (2L no mínimo), frutas, barras de cereais, protetor solar, canivete, lanterna e uma canga, além de vestir roupas confortáveis e tênis (essencial). Além disso, caso não conheça o lugar procure um guia local.

Para mais informações sobre a Ilha: http://www.ilhagrande.com.br/

Beijos e abraços,

Ana Carolina Silva @anacarolinasilva25

Ana Carolina Silva

Recomendados para você
Deixe sua opinião sobre o post
  • Lindoooooona,

    Seu post ficou maravilhoso! Que orgulho em te ter como colaboradora, arrasou!

    Os detalhes da viagem, as fotos tiradas lindíssimas, AMEI!

    Muitos beijos e sucesso nessa fase, querida! ♥

  • Que post incrível, ficou ótimo lindaa.
    Sou apaixonada por turismo e adoooro ver postagens relacionadas em blogs. Amo destinos turísticos mas nunca fui aí, você acha uma boa opção pra passar o aniversario de 15 anos? Beijo

    http://www.iamcamilakellen.blogspot.com
    *Rumo aos 200 seguidres

  • Que lugar perfeito. Queria muito ir, acho que deve ser ótimo pra fazer um book e tirar altaas fotos.

    Tô seguindo teu blog, flor. Te espero no meu.
    Sobrelentes.com

    • Oiii, linda! A Ana arrasou, né? Talvez ela possa dizer com mais propriedade sobre como é o lugar. Hehe

      Vou lá visitar o seu blog. Muito obrigada pela visita, flor! Super beeeijo. ♥

    • É sim, ótimo pra fotos! Vou tentar postar outras que tirei la no meu instagram (AnaCarolinaSilva25), mas a câmera deu uma bugada e não ficaram todas boas… Mas você pode ir e ver como é um paraíso! As águas claras, a areia branca e a maioria das praias com a agua tranqüila, cenário paradisíaco.

  • Lovely nature photos!
    I love the beach and falls so much!
    Nice blog!

    xoxo,

    http://www.fashionerza.com
    I can rock any outfits, come follow my online diary

    • Hi .. To see more photos of nature is so follow the blog and follow me on instagram, cause here and there have a lot of pics of beach and trips.

  • Acho que o unico lugar que eu ainda não fui na Ilha grande foi Aventureiro e eu to doida pra ir. Ir pra la´é uma aventura <3

    pamelawille.blogspot.com

  • Lindas fotos. Esses tipos de viagens são as mais legais, em dois com disposição para andar e conhecer vários lugares diferentes aproveitando ao máximo a estadia.
    Belo post.
    Abraço

    P.S. Morgana, obrigado pela visita no blog, que bom que gostou.
    chacomresenha.blogspot.com.br

  • Obrigada Leo! E foi muita disposição, rs. Eu e minha amiga dormimos na rodoviária pra não perder o ônibus, porque não sabíamos se chegaríamos as 5h, mal (ate parece, na verdade muito bem) chegamos la e fizemos trilha. Valeu a pena a correria. Abraço..

  • Parabens Ana. Vim conferir o seu novo trabalho e adorei o resultado. Parabens. Acompanhareo sempre qie possivel. Beijos

  • A "amiga" sou eu gente !!
    Umas das melhores viagens que já fiz!! A Ana Carolina me deu uma super segurança, organizamos e pensamos em cada detalhe do roteiro direitinho antes de de partir.

    E nem mesmo com o sol se escondendo desanimamos, digo mais, foi até melhor para as trilhas. Além de que ,a minha guia preferida, a Ana, deu uma de personal para mim, ex-gordinha, SPA na ilha, comendo só comidinhas saudáveis, fazendo visitas aos pontos históricos em ruínas, mergulhando atrás de peixinhos, tomando banho de cachoeira, passeando de lancha…só coisas boas, estava precisando espairecer e me divertir.

    Obrigada pela oportunidade. Amo SER TURISTA s2

    Vamos viajar! faz bem ao corpo, mente e coração.

Facebook
Álbum no Pinterest


Send this to a friend